O dr. Beethoven Nascimento de Andrade assume, nesta quinta-feira (14), a presidência da Comissão de Igualdade Racial da Seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/DF). Assinou o termo de posse ao lado do presidente da Seccional, Délio Lins e Silva Jr., do secretário-geral Márcio de Souza Oliveira, da ex-presidente Josefina Serra dos Santos – que agora será vice-presidente – e da advogada e conselheira seccional Denise da Costa Eleutério, que a partir de agora assume a secretaria-geral adjunta. Antes, Denise era a vice-presidente. A secretária-geral, em lugar de Beethoven, é a dra. Fernanda Tercetti Nunes Pereira. Antes, Fernanda era secretária-geral adjunta.

Advogado, nascido em Brasília, bacharel em Direito pela União Pioneira de Integração Social (UPIS) e pós-graduado em Direito Público, com ênfase em Direito Constitucional, Beethoven assumiu, no início de 2020, a Secretaria-Geral da Comissão de Igualdade Racial OAB/DF. Já era membro do colegiado desde o início da atual gestão. Em paralelo, é membro da Comissão de Estágio e Exame de Ordem e da Comissão de Relações Institucionais e Governamentais.

Para essa transição na Comissão, dra. Josefina comentou que “é uma decisão que vem para homenagear, referenciar todas e todos. Por isso, a diretoria da Comissão de Igualdade Racial da OAB/DF, mudou”.

Beethoven falou que é um desafio imenso assumir a presidência após a dra Josefina, pois ela é referência, dentro e fora da OAB/DF. “Para o movimento negro unificado, nas lideranças na sociedade, no MST a dra. Josefina é um espelho, um norte e a esperança. Assim, ela tem uma trajetória que a gente precisa desdobrar-se muito para honrar e estar à altura. Ela diz que, nós (os jovens) devemos começar assumir mais responsabilidades e desafios. Eu sei que ela, na vice-presidência, ainda nos amparará muito nas lutas pela igualdade, pela equidade, pela redução dos preconceitos, e contra a intolerância étnica e religiosa. Estamos todos muito agradecidos, tanto eu quanto os demais jovens advogados da OAB/DF. Seguiremos os passos dela”, declarou.

Délio Lins e Silva Jr., presidente da OAB/DF, também, acredita na contribuição dos jovens e tem apoiado suas causas. “Somos um tijolinho na construção da Ordem. Cada um de nós trazendo contribuições. Dr. Beethoven agora tem a oportunidade e as bênçãos da dra. Josefina e as nossas para continuar seu caminho que já é de muito sucesso.”

Comunicação OAB/DF
Texto: Montserrat Bevilaqua