Campanha da OAB/DF investe na saúde da mulher

Brasília, 06/03/2012 – Com o propósito de conscientizar a mulher quanto à saúde sexual, a Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF elaborou uma cartilha sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e, junto com a Comissão de Direitos Sociais, fará a distribuição no Dia Internacional da Mulher – 8 de março – na Rodoviária do Plano Piloto, a partir das 7 horas. Na ocasião, serão distribuídas dez mil cartilhas abordando essas doenças.

Com linguagem acessível ao público a cartilha descreve as principais formas de transmissão, sintomas e consequências de cada doença apresentada, assim como as providências que as mulheres devem tomar no sentido de se prevenir e se tratar em caso de contágio. Cada exemplar contém um preservativo doado pelo Ministério da Saúde.

A campanha é dirigida à comunidade jurídica e à população feminina carente do Distrito Federal. Segundo a presidente da Comissão da Mulher Advogada, Maria Claudia Azevedo de Araujo, a OAB/DF sempre valorizou o bem-estar da mulher. “Estar bem significa manter-se fisicamente e emocionalmente saudável, para melhor desenvolver atividades no trabalho, na família e na sociedade”, destacou.

Para o presidente da OAB/DF, Francisco Caputo, é um momento especial para celebrar “quem nos traz à vida para experimentarmos encantamentos e surpresas. E para se manter saudável, a mulher precisa estar pronta para agir em defesa própria, cuidando de sua saúde”.

A cartilha será encartada na revista Voz do Advogado para todas as mulheres inscritas na OAB/DF, distribuída em subseções da Ordem, na Fundação de Assistência Judiciária (FAJ) e nas comemorações do Dia da Mulher promovidas por parceiros da OAB/DF como Rede de Combate ao Câncer, Associação das Mulheres Empreendedoras, ATAME, ANAJUR, Secretaria de Igualdade Racial e Defensoria Pública do DF.

Esta campanha dá continuidade ao trabalho da Comissão na gestão 2010/2012, com informações úteis em defesa da mulher. O primeiro, lançado em 2010, abordou a Lei Maria da Penha. Em 2011, a Comissão divulgou cartilha com informação sobre câncer de mama. “Trata-se de assuntos graves que podem ser amenizados e até evitados quando há informações disponíveis”, afirma Maria Claudia.

Reportagem – Helena Cirineu
Comunicação Social – Jornalismo
OAB/DF


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: