O presidente da OAB/DF, Francisco Caputo, em entrevista ao vivo hoje, 1º, durante a programação do Balanço Geral, da Rede Record, reafirmou sua posição contrária à intervenção no governo do Distrito Federal e disse acreditar que ainda há tempo de evitar uma medida a que chamou “regime de exceção”. “Nós temos aqui condições com as nossas instituições e com a sociedade civil de nos autodeterminar. A intervenção não vai ter o condão de acabar com todos os males da nossa sociedade e, principalmente, da política local”, previu Caputo.   Ouça a íntegra da entrevista.