Brasília, 18/10/10 – O presidente da OAB/DF, Francisco Caputo, representando o presidente do Conselho Federal, Ophir Cavalcante, acompanhou na quinta-feira (14/10), no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o procedimento de lacração dos sistemas que serão utilizados nas urnas eletrônicas no segundo turno. O mesmo processo foi realizado antes do primeiro turno. Além da OAB, acompanharam a lacração o Ministro Ricardo Lewandowski, Presidente do TSE, o Procurador Geral da República, Roberto Gurgel, a Ministra Carmem Lúcia e o Ministro Henrique Neves.

De acordo com o TSE, a segurança do sistema é tamanha que qualquer alteração exige uma nova assinatura digital e a sua lacração. Para a próxima fase das eleições, foram retirados do sistema os cargos de deputados federais, estaduais e distritais, de senadores e de governadores, que se elegeram em primeiro turno. Além disso, foi preciso adaptar os relatórios para a totalização, indicar no programa a data da eleição e também programar as urnas para o horário de verão que começou a zero hora de domingo (17/10).

Assessoria de Comunicação – OAB/DF