Os desembargadores Humberto Martins e Massami Uyeda foram aprovados pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal para o cargo de ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A sabatina foi realizada na manhã de quarta-feira, 10. Agora, os nomes dos desembargadores serão apreciados pelo Plenário do Senado, em data ainda não confirmada.

Humberto Martins e Massami Uyeda foram indicados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva no dia 2 de maio, para ocupar as vagas destinadas a membros de Tribunais de Justiça abertas com as aposentadorias dos ministros Franciulli Netto e Sálvio de Figueiredo. Depois de aprovados pelo plenário do Senado Federal, os desembargadores serão nomeados pelo presidente da República e empossados como ministros do Superior Tribunal de Justiça.