Por Marília Scriboni

A Ordem dos Advogados do Distrito Federal acaba de aderir ao Programa Nacional de Modernização da Advocacia (Promad), para ajudar os advogados que melhorar a gestão de suas bancas. O alvo do convênio, firmado na segunda-feira (6/2), são os profissionais recém-formados. “Quando forem receber sua identidade profissional, já sairão amparados com tudo o que precisam para advogar”, espera o presidente da OAB-DF, Francisco Caputo.

O leque de opções inclui, por exemplo, um software jurídico para o gerenciamento de escritório e de processos, com publicações jurídicas e site para o escritório, e o acesso a uma logomarca com preço subsidiado pelo convênio.