“A advocacia é a profissão da liberdade” – Fernando Cesar de Souza Cunha

“Como paraninfo, estou aqui representando todos os advogados do Brasil. A partir de agora vocês também passam a fazer parte desta grande família, que é a OAB. Minha missão aqui é recebê-los e acompanhá-los na casa dos advogados. A inscrição na Ordem não é um mero ato formal. Esta relação significa muito mais, pois contarão com o apoio da Ordem em tempo integral para o desempenho de nossa amada profissão. Nesta Casa vocês serão sempre acolhidos, poderão se capacitar com os cursos oferecidos, aprender com os colegas.”, disse o paraninfo, advogado-geral do Senado Federal Fernando Cesar de Souza Cunha, durante seu discurso na solenidade de entrega das carteiras a 78 novos advogados, na manhã desta quarta-feira (3), na sede da Seccional, em Brasília.

O paraninfo ainda pontuou que “não há justiça sem o essencial trabalho prestado pelos advogados. É nosso dever esclarecer a sociedade sobre o importante papel que desenvolvemos. Somos nós que garantimos a correta aplicação das leis. Temos a mesma importância dos magistrados e do Ministério Público. Não existe hierarquia entre as carreiras. A partir de agora, vocês devem ter o mesmo tratamento que qualquer uma dessas autoridades. Lembrem-se que a advocacia é a profissão da liberdade”.

Nayelle Moura da Silva, oradora da turma, falou sobre a importância da advocacia para o Estado Democrático de Direito. “Nossa atitude, sobretudo na vida profissional, deverá ser sempre pautada na ética, na moral e no compromentimento da causa que nos forem confiadas. Nessa época de severa crise institucional e ética e de mudanças radicais nos costumes, a atuação da advocacia torna-se ainda mais importante. O desafio está lançado. Mas não haverá sucesso algum se não ayuarmos com ética, se não respeitarmos nossas leis. Enquanto advogados, somos a voz que pode ser ouvida, somos a voz que não vai se calar”, afirmou.

O secretário-geral da OAB/DF, Jacques Veloso, parabenizou os novos advogados que, a partir de agora, começam uma nova etapa de suas vidas. “Estejam cientes, desde já, de que suas responsabilidades são bem maiores. Sejam engajados com suas causas, com seus clientes”, ponderou. Costa Couto também falou que “os ex adversus não são inimigos, mas colegas de trabalho que litigam pela parte contrária. “Trate-os com respeito, ética e admiração”.

Também compuseram a mesa o diretor-tesoureiro, Antonio Alves; os conselheiros Seccionais Carlos Bezerra, Ildecer Amorim, Liliana Marquez, Silvia Cupertino e Wesley Bento; o secretário-geral do Conselho Jovem, Emanuel Sales; o ouvidor adjunto, Handerson Almeida; os presidentes da Subseção do Gama e Santa Maria, Amaury Santos de Andrade; de São Sebastião, Valcides José; e de Sobradinho, Marcio de Souza Oliveira; a vice-presidente da Subseção de Taguatinga, Andressa Pelissari; a secretária-geral adjunta da Subseção de Ceilândia, Cecilia Viana Cordeiro de Queiroz; de Taguatinga, Andressa Pelissari; e a secretária-geral adjunta da Subseção de Ceilândia, Cecilia Viana Cordeiro de Queiroz; a conselheira da Subseção de Taguatinga Liliane Barbosa Andrade Melo; além dos membros das Comissões de Direito Tributário e de Direito do Consumidor, Emanuel Cardoso Pereira e Benjamin Barros, respectivamente.


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: