OAB/DF recebe 23 novas advogadas e novos advogados

Mais uma cerimônia muito emocionante de entrega de carteiras da Ordem dos Advogados do Brasil aconteceu na Seccional do Distrito Federal (OAB/DF) nesta quinta-feira (17). Foi de modo híbrido (presencial e remotamente), observando todos os cuidados de prevenção à Covid-19. Houve transmissão, ao vivo, pelo canal oficial da OAB/DF no Youtube.

 

O presidente da Seccional, Délio Lins e Silva Jr., deu as boas-vindas à nova turma destacando que é uma grande alegria para ele estar presencialmente com os compromissandos nessa solenidade tão marcante. “Quem me conhece sabe que é verdade. Essas cerimônias de entrega de carteira, para mim, são muito especiais. Toda vez que participo de uma delas, lembro da minha, há 20 anos, com o presidente Safe Carneiro me entregando a ‘vermelhinha.’”

Para Délio, a cerimônia é importante porque “realmente nos orgulha, nos alegra”. Ele prometeu, até o final do ano que vem, participar desses momentos especiais. “Nessas horas, a gente vê, de uma forma muito mais evidente, a alegria de podermos ser gestores dessa Casa.”

PALAVRAS DA ORADORA

A oradora da turma foi Vanessa Priscila Alves Oliveira que destacou, inicialmente, “o ano tão atípico”. Comemorou: “só de estarmos aqui considero uma grande vitória!” Para ela, olhando todo o esforço que os compromissando ali fizeram, certamente, poderiam estar se perguntando: “como seria a vida sem os seus altos e baixos?” Respondendo, afirmou: “tudo o que fizemos para chegar até aqui contribuiu de alguma maneira para a nossa chegada”.

Vanessa lembrou que, hoje, finda-se uma fase, e outra começa. “Mais do que nunca, o nosso país precisa de pessoas que se preocupam em fazer a diferença, em batalhar”, observou.

Ao finalizar reforçou: “Somos operadores do Direito, e por meio dessa poderosa ferramenta, podemos levar esperança aos desamparados pelo Estado e pela sociedade. Podemos trazer alento ao coração de alguém que se encontra à margem da sociedade por não ter seus direitos garantidos ou por terem sido violados.”

CONSELHOS DA PARANINFA

Denise da Costa Eleuterio, vice-presidente da Comissão de Igualdade Racial, foi a paraninfa da turma. Iniciou sua fala pela recordação de todo o carinho e brilho nos olhos de como foi recebida na Casa. “Quero recebê-los da mesma forma para que, assim como eu, desenvolvam o mesmo sentimento de acolhimento e ternura que eu senti naquele dia. Que vocês possam sentir e, também, ver em meus olhos esse brilho falando a cada um de vocês. Sejam muito bem-vindos e bem-vindas a essa Casa que agora é sua!”

A paraninfa considerou que os compromissando ingressam “sob a luz de um momento histórico e ímpar para a advocacia e para a sociedade brasileira”. Trouxe a lembrança da lição essencial: que advogadas e advogados são um dos pilares da democracia. “Acima de tudo, defensores incansáveis da justiça em sua plenitude.”

Por fim, Denise aconselhou que todos ali continuem estudando, se esforçando, pois já conquistaram algo que para muitos parecia impossível. “Mesmo com todas as adversidades, alcançaram seu objetivo primário. Entretanto, iniciam uma nova fase na vida de vocês. Fase essa que irá demandar de vocês novos estudos e aprimoramentos em busca de algo que lhes é ainda novo: a excelência na advocacia.”

Como representante de Subseções, falou o conselheiro Gustavo Bueno, da Subseção de Samambaia: “Tenho orgulho demais de participar desta gestão. Antes, nós, das subseções, éramos um traço na representação no Conselho Seccional. Hoje, somos 20%, graças à gestão vanguarda da atual gestão OAB/DF. Não se inovou apenas em paridade, mas na nossa participação, a das subseções… Convido que participem das Subseções, da Ordem.”

Veranne Magalhães, presidente da Comissão de Cultura, Esporte e Lazer da OAB-DF falou, pela primeira vez, em uma solenidade de entrega de carteiras e emocionada retomou três palavras marcantes do discurso da oradora: gratidão, resiliência e superação. Segundo contou, palavras que sempre deram uma diretiva a ela, mas muito mais especialmente neste ano. Veranne reforçou as conquistas desta semana em aprovações do Conselho Federal para a paridade de gênero, cota racial de 30%, e, no caso da OAB/DF, a possibilidade de realizar eleições on-line. Essas questões permearam o discurso da paraninfa. Veranne acentuou a importância de suas colocações. “Somos vanguarda”, terminou, convidando os compromissandos a fazerem parte da OAB/DF.

Délio encerrou fazendo um rápido balanço dos desafios do ano e da gestão. Deu conselhos, lembrando que o exercício da advocacia exige esforços, estudos, honestidade, compromissos. “O que quiserem fazer, coloquem muito amor. Vai dar certo! O amor abre oportunidades! O que importa é a caminhada! Curtam, com humildade. Muitas portas poderão ser abertas.”

Dessa cerimônia, também, participaram e compuseram a mesa oficial o secretário-geral da OAB/DF, Márcio de Souza Oliveira, o presidente da Comissão de Direito Sistêmico, Rodrigo Rodrigues Alves, o conselheiro Rafael Marimon e o secretário-geral da Comissâo de Igualdade Racial, Beethoven Andrade.

Comunicação OAB/DF
Texto: Montserrat Bevilaqua
Fotos: Valter Zica


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: