Primeiro presidente do CNJ, Jobim irá a ato da OAB em defesa daquele órgão

Brasília, 19/01/2012 – O ato público que o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) promoverá para protestar contra as tentativas de esvaziamento dos poderes do Conselho Nacional de Justiça, tem presença confirmada do primeiro presidente daquele órgão de controle externo do Judiciário, o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) Nelson Jobim, também ex-ministro da Defesa, ex-ministro da Justiça e ex-deputado federal. Jobim aceitou convite do presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, e deverá ser um dos primeiros oradores do ato, que acontecerá na sede do Conselho Federal da OAB, no próximo dia 31, a partir das 14h.”O ministro Jobim trará a impressão dele a respeito do CNJ, uma vez que foi seu primeiro presidente e responsável pela implementação do órgão”, informou o presidente nacional da OAB.” Será muito importante que alguém que foi presidente do Supremo Tribunal Federal e do CNJ, que exerceu os cargos exercidos pelo ministro Jobim, possa vir aqui dar o seu depoimento público a respeito da importância do CNJ para o fortalecimento da Justiça”.Ophir Cavalcante frisou que a mobilização encabeçada pela OAB vai mostrar que, nesse momento que o Supremo Tribunal Federal julga uma ação que pode resultar no enfraquecimento daquele órgão – uma Adin de autoria da Associação dos Magistrados Brasileiros -, “o CNJ é muito importante para o fortalecimento da Justiça e, sobretudo, para que a magistratura possa ter essa representatividade e essa credibilidade que tem; portanto, é fundamental que exista esse órgão de controle,hoje presidido pelo presidente do STF e integrado por nove juízes contra seis integrantes da sociedade civil”.Fonte: Conselho Federal


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: