Suicídio e depressão são temas de webinar. Reveja!

Para falar abertamente sobre suicídio e depressão, a Caixa de Assistência dos Advogados do Distrito Federal (CAADF) e a Comissão de Esporte, Cultura e Lazer (CECL) da Seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/DF) realizaram na última segunda-feira (28), o webinar ‘Setembro Amarelo: Saúde Mental e Suicídio’.

Abrindo o encontro virtual, o presidente da OAB/DF, Délio Lins e Silva Jr, ressaltou que é necessário desmistificar o tabu que envolve o assunto: “É um tema muito difícil, mas conversar leva as pessoas a dividirem suas dores”, disse. Em seguida, a presidente da CECL, Veranne Magalhães, convidou os participantes para assistirem ao trailer do filme “Por que você não chora?”, da diretora brasiliense Cibele Amaral.

Em sua participação no webinar, Cibele explicou como foi o processo de construção do longa-metragem. “Eu entrevistei diversas mulheres em situação de sofrimento. Muitas delas acreditavam que não tinham o direito de ter depressão por causa do seu papel fundamental na família”, contou. O filme está em fase de negociação para ser lançado comercialmente para streaming ou tv aberta.

A atriz e poeta Elisa Lucinda, que participa do filme, acredita que não há como a sociedade avançar e se desenvolver ao mesmo tempo em que casos de suicídio vêm aumentando. “Alguma coisa está errada! O que é que está doendo tanto?”, indagou. Lucinda também demonstrou preocupação com a relação entre crianças e celulares. “Precisamos cuidar da miséria emocional”, afirmou.

Luciana Martuchelli, atriz que também participa do filme, acredita que a diretora Cibele ainda vai surpreender muita gente com sua obra. “Ela aborda um tema tão difícil, mas de uma forma tão sutil”, ressaltou. Martuchelli perdeu sua mãe durante o isolamento social, sem direito a um abraço. “O suicídio não é algo que eu conheça, mas conheço profundamente o lugar onde a falta de vontade de viver chega nas pessoas. A arte é a forma que eu encontro para não colapsar”, revelou.

A cantora lírica Janette Dornellas contou como foi sua primeira crise de pânico. “A sensação da crise é olhar no espelho e não se reconhecer. E eu neguei, por muitos anos, que estava doente. Mas encontrei nas minhas duas filhas a força que precisava para viver e seguir me cuidando”, contou.

Segundo o psicólogo do Instituto Olhos da Alma Sã, Jorge Antônio Monteiro de Lima, até 2017, estudos apontavam que não era bom discutir o suicídio para não aumentar o número de casos. Porém, aconteceu o contrário. “Nos anos seguintes, mesmo sem falar sobre, os casos aumentaram. E, em 2019, o número de crianças e adolescentes começou a crescer. Logo, temos que falar sim. Não adianta fingir que não está acontecendo”, disse.

Finalizando o webinar, os participantes assistiram a uma apresentação da música Lacrimosa, do Réquiem de Mozart, interpretada por Janette Dornellas. Em seguida, a diretora tesoureira da CAADF, Ana Carolina Franco, destacou o trabalho que vem sendo desenvolvido pela atual diretoria. “Em tempos de isolamento social, a CAADF se organizou para continuar acolhendo os advogados do DF por meio da atenção primária e secundária de saúde na Clínica PreCAAver, exclusiva para a advocacia do DF, inclusive encaminhando os pacientes para acompanhamento com psicólogos e psiquiatras. Além disso, acolhimento psicológico e grupos de gestão de estresse, ambos oferecidos de forma online e gratuita para a advocacia do DF, são algumas das iniciativas da instituição durante este período de pandemia”, completou.

O webinar está disponível no YouTube da OAB/DF. E você pode rever o vídeo na íntegra no link abaixo.

Comunicação CAADF


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: