Brasília, 17/3/2014 – A Seccional da OAB do Distrito Federal foi anfitriã, na semana passada, de duas palestras, a primeira delas sobre Erro Médico no Direito Penal e a outra sobre honorários de advocacia em mediação.

A apresentação que tratou de questões referentes a erro médico contou com a presença do professor de Direito Penal e ex-desembargador do TJDFT Edson Alfredo Smaniotto. O evento, organizado pelas Comissões de Bioética, Biodireito e Biotecnologia; de Ciências Criminais e de Apoio ao Jovem Advogado da Seccional teve o objetivo de discutir a responsabilidade penal do médico, em caso de erro nos procedimentos hospitalares.

Para o presidente da Comissão de Bioética, Biodireito e Biotecnologia, Felipe Bayma o evento tratou de um tema atual e contou com a experiência e reconhecimento do professor Smaniotto, que leciona Direito Penal há mais de 20 anos. Bayma ressaltou “a importância de ações conjuntas entre comissões da OAB/DF para construção de bons resultados”.

A segunda palestra, Honorários de Advocacia em Mediação: tendências decorrentes de uma prática em consolidação, teve André Gomma, magistrado e membro do Comitê Gestor do Movimento pela Conciliação do CNJ, como palestrante, e o membro da Comissão de Mediação e Arbitragem da OAB/DF, Pedro Nepomucemo como mediador.

Promovida pela Comissão de Mediação e Arbitragem da OAB/DF, presidida por Fabíola Orlando. De acordo com os organizadores do evento, a palestra foi prestigiada por diversas categorias de profissionais e contou com público vindo de todo o país.  “Isso demonstra que a conciliação, a mediação e a arbitragem ganham espaço como eficientes mecanismos para enfrentar os inevitáveis conflitos do nosso dia a dia”, pontuou Fabíola.

Comunicação social – jornalismo
OAB/DF