Brasília, 23/01/2012 – O Fórum Nacional da Advocacia Pública Federal será uma das entidades participantes do ato que o Conselho Federal da Ordem os Advogados do Brasil (OAB) promoverá na próxima terça-feira (31), às 14h, em defesa dos poderes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para investigar e julgar magistrados por desvios ético-disciplinares. A confirmação foi feita hoje (23) pelo presidente do Fórum, Allan Titonelli Nunes, ao presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante. Titonelli foi recebido em audiência por Ophir juntamente com a presidente da Comissão Nacional de Advocacia Pública da OAB, Meire Lúcia Gomes Coelho, a vice-presidente do Fórum, Joana D´Arc Vaz de Mello, e o vice-presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Banco Central do Brasil (APBC), Fabrício Torres Nogueira.

Outro tema debatido na reunião foi o pleito da advocacia pública de criação de um grupo de trabalho para debater reformulação ao Provimento 114/06 da OAB, que trata das atribuições, formas de ingresso, transferência e funções do advogado público.

O dirigente do Fórum Nacional da Advocacia Pública Federal ainda reiterou o pleito da entidade ao recebimento de honorários advocatícios pela carreira e requereu a intervenção da OAB Nacional em todos os processos judiciais que versam sobre essa matéria.

Abert confirma participação no ato pró CNJ

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Ophir Cavalcante, recebeu hoje (23) a visita de cortesia do integrante do Conselho Superior da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) Daniel Pimentel Slaviero, acompanhado do diretor geral, Luis Roberto Antonik, e do diretor de Assuntos Legais da entidade, Rodolfo Machado Moura. Na visita, eles confirmaram a participação da Abert no ato público que a OAB Nacional realizará no próximo dia 31, em Brasília, em defesa dos poderes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e discutiram formas de estreitar a comunicação e parceria com a entidade dos advogados brasileiros. Ophir agradeceu a visita e destacou “o papel importantíssimo da Abert na radiofusão e na mídia televisiva, cuja parceria com a OAB só fará fortalecer a liberdade de imprensa e de expressão em nosso País”.

Fonte: Conselho Federal da OAB