Brasília, 26/9/2013 – “Nós queremos ajudar vocês a iniciar a carreira. Contem com a Ordem”. Com estas palavras, o presidente da Seccional, Ibaneis Rocha, abriu o III Networking da OAB/DF, que reuniu mais de 80 advogados, entre representantes de escritórios e profissionais da classe em busca de novas oportunidades, na quinta-feira (26), na sede da Seccional. Ibaneis Rocha disse que o objetivo do encontro é apoiar o advogado que esteja em busca de colocação no mercado de trabalho.

“Eu não conheço ninguém que depois de um ano de escritório aberto o tenha fechado. É uma profissão que, ao longo do tempo, é rentável. Existe mercado, o Brasil é um país em franca expansão. Tenham coragem, se juntem, se conheçam, associem-se, montem seus escritórios e busquem a OAB, porque nós estamos aqui para auxiliar”, argumentou.

Corroborando com o presidente Ibaneis, o coordenador do Escritório Modelo – Incubadora de Empresas de Advocacia disse, durante a abertura do evento, que os advogados deveriam aproveitar a oportunidade para o relacionamento interpessoal. “Aproveitem para se relacionar entre vocês e, principalmente, conversar com os sócios que estão aqui presentes. Não percam essa oportunidade”.

networking TCU 26-09-2013 345

Vinda da Paraíba, Rafela Ritondale, formada em 2010, não cogitava a possibilidade de advogar, pois seu foco era o concurso público. Depois de conhecer o mundo da advocacia, Rafaela resolveu prestar o Exame da Ordem e se especializar. “Eu conheço alguns advogados que estão com a equipe completa, eles sabem indicar algumas pessoas para que eu possa enviar currículo, mas os escritórios não me conhecem. Esse Networking da OAB/DF possibilita que você conheça as pessoas, converse, tire dúvidas”.

networking TCU 26-09-2013 477

O advogado Bruno de Oliveira Pinto conta com a experiência de advogado autônomo, mas tem interesse em ingressar num escritório de advocacia. “A inciativa do Networking é boa, pois o advogado se sente apoiado pela Seccional do estado em que ele está inscrito. Eu acho bem válido”.

Representante do escritório ABCTA, José Elias afirmou que a inciativa é muito proveitosa. “É interessante porque abre espaço para que os advogados se conheçam. Eventualmente, pode ser que entre eles haja alguma afinidade para firmar uma sociedade”, apontou.

 

Reportagem – Tatielly Diniz
Fotos – Valter Zica
Comunicação social – jornalismo
OAB/DF