Brasília, 22/11/2011 – A OAB/DF acompanha com muita preocupação a evolução do movimento grevista que atinge todas as carreiras da Polícia Civil e já pode ser considerado um dos mais longos da história do DF. Ante os nefastos reflexos para a população e para o desempenho do pleno exercício profissional da advocacia, a OAB/DF lamenta a incapacidade de negociação até agora demonstrada pelo Governo do Distrito Federal.

Os advogados e a população de Brasília aguardam ansiosamente que o GDF negocie de forma construtiva com as lideranças classistas, cumpra as promessas feitas em abril deste ano e, urgentemente, encontre uma solução para a greve.

Francisco Caputo
Presidente da OAB/DF