Diante das graves denúncias veiculadas na imprensa, a OAB/DF analisará o inquérito que motivou a Operação Pandora, da Polícia Federal, para examinar se há elementos para pedir o impeachment do governador José Roberto Arruda. A decisão foi anunciada pela presidente da Seccional, Estefânia Viveiros, depois de reunião de emergência com o vice-presidente Ibaneis Rocha. Caso haja elementos para pedir o impeachment, a proposta será submetida ao Conselho Pleno, órgão máximo da entidade.