A Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF está trabalhando para conquistar um espaço de amamentação para as mães advogadas nos tribunais. Um projeto está sendo elaborado para avaliação dos custos dessas salas. O estudo será apresentado aos presidentes do TRT, TJDFT, TCU e TST. A ideia é que os tribunais tenham um lugar reservado e adequado para que as advogadas lactantes possam amamentar seus filhos.

Em março deste ano, no dia Internacional da Mulher (8/3), a OAB/DF apresentou a iniciativa no Conselho Federal da OAB. O projeto faz parte de várias propostas da Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF, extraídas do 1º Encontro das Mulheres Advogadas, no início do ano, que reuniu 200 mulheres para debater as principais urgências da Comissão.