Liderados pela presidente da OAB/DF, Estefânia Viveiros, e pelo presidente nacional da OAB, Cezar Britto, advogados de todo o País estiveram na Câmara Legislativa do Distrito Federal, na tarde desta segunda-feira (7), para participar do protocolo dos pedidos de impeachment do governador José Roberto Arruda e do vice-governador Paulo Octávio. Os profissionais da advocacia foram recebidos pelo presidente em exercício da Casa, deputado distrital Cabo Patrício (PT). “Na qualidade de cidadã, a Ordem cumpre a lei no seu dever institucional e protocola os pedidos de impeachment do governador e do vice”, afirmou Estefânia Viveiros. Os pedidos foram protocolados separadamente e levam a assinatura da presidente. “Não é uma ação isolada da OAB do Distrito Federal, é uma ação da advocacia brasileira”, reforçou Cezar Brito. Além de dirigentes e conselheiros da Seccional, compareceram presidentes da OAB de dez Estados: Amapá, Amazonas, Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Rondônia, São Paulo e Tocantins. Os pedidos foram protocolados por volta das 15h. Às 14h30, os advogados se reuniram na entrada da Câmara Legislativa e subiram juntos à rampa do Poder Legislativo local. O presidente em exercício da Câmara Legislativa disse que fará a leitura do pedido de impeachment nesta terça-feira (8), às 10h, em sessão extraordinária já marcada. “Faremos uma investigação ampla e isenta”, prometeu Cabo Patrício. Os pedidos de impeachment foram aprovados pelo Conselho Pleno da OAB/DF, instância deliberativa máxima da entidade, na quinta-feira (3). Por 31 votos a 1, os conselheiros aprovaram o relatório do colega João Pedro Ferraz dos Passos, recomendando o impedimento dos governantes por terem supostamente cometido crime de responsabilidade.