Brasília, 18/12/2014 – A Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF lançou, nesta quinta-feira (18), a campanha “Fale Advogada”. O intuito é coletar dados e combater as violações de direitos sofridas pelas advogadas ou estagiárias no exercício profissional em função do gênero.

As advogadas ou estagiárias que se sentirem ofendidas ou cerceadas em seus direitos em razão de preconceito de gênero poderão encaminhar e-mail para o endereço: [email protected] Além de denúncias, o canal também recebe reclamações, sugestões e dúvidas.

Christiane Pantoja, conselheira e presidente da Comissão da Mulher Advogada, diz que a comissão avaliará as denúncias e adotará as providências cabíveis em cada caso concreto. “Esperamos com isso aproximar a OAB/DF da mulher advogada e protegê-la das violações de direitos, preconceitos e assédios que sofre no dia a dia do exercício da profissão”.
A Seccional também criou uma área no site específica para o fale Advogada. Acesse aqui.

Comunicação social – jornalismo
OAB/DF