Brasília, 23/4/2014 – A Seccional da OAB do Distrito Federal vem a público manifestar solidariedade ao fotojornalista do Correio Braziliense, Breno Fortes. O profissional foi atingido por uma pedrada na testa durante a cobertura da manifestação de funcionários do supermercado Tatico, em Ceilândia Centro, na tarde dessa terça-feira (22).

O presidente da OAB/DF, Ibaneis Rocha, enfatiza que a Ordem dos Advogados é defensora intransigente da democracia e da plena liberdade de expressão, que comporta quaisquer tipos de manifestações públicas, desde que pacíficas. “Sempre apoiamos protestos pacíficos. As forças de segurança e o Estado precisam estar alertas e preparados para agir quando as coisas saem do controle, e para que episódios como esses, que ameaçam a liberdade de imprensa, não ocorram mais”, afirmou.

Segundo informações do Correio Braziliense, Breno prestou queixa na 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) e fez exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal. O fotógrafo passa bem e está com um ferimento leve na cabeça. O supermecado Tatico foi interditado há alguns dias sob o fundamento de que ocupa irregularmente uma área pública e deve mais de R$ 100 mil em multas. Por esse motivo, mais de 800 funcionários, com receio de perder seus empregos, já fizeram vários protestos no local para chamar a atenção do governo do Distrito Federal para a situação.

Reportagem – Tatielly Diniz
Foto – Reprodução Correio Braziliense
Comunicação social – jornalismo
OAB/DF