OAB/DF critica declarações do procurador-geral de SP

A presidente da Seccional do Distrito Federal da OAB, Estefânia Viveiros, se junta ao presidente nacional do Conselho Federal da Ordem, Cezar Britto, no repúdio às declarações públicas do procurador-geral do Estado de São Paulo, Rodrigo César Rebello Pinho. Segundo o procurador, a OAB/SP “é uma instituição que atua de forma fascista”. Estefânia classificou de “profundamente infeliz e absurdamente tolo” o comentário de Rebello Pinho. “Uma declaração dessa só pode partir de uma pessoa que não conhece o trabalho fundamental da Ordem dos Advogados do Brasil na construção da democracia do País”, afirmou a presidente da OAB/DF. Segundo Estefânia Viveiros, o procurador-geral precisa se retratar publicamente com todos os advogados do País. “A democracia por qual tanto lutamos permite esse tipo de infelicidade cometida, mas a história da OAB não dá nenhum direito a tal comentário absurdo”, ressaltou. A presidente declarou, ainda,apoio ao presidente da Ordem paulista, Luiz Flávio Borges D´Urso.


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: