Brasília, 8/11/2013 – “A OAB/DF deve discutir os critérios adotados para testes de medicamentos em animais para esclarecer a sociedade sobre o assunto”. Com essa afirmação, o presidente da Seccional, Ibaneis Rocha, criou a Comissão de Defesa dos Direitos dos Animais, na quinta-feira (7/11).

A advogada Beatriz Bartoly será a presidente da comissão. Os responsáveis têm 15 dias para apresentar o regimento interno e, após aprovação, serão nomeados pelo Conselho Pleno da Seccional os membros do grupo. Segundo Beatriz, o Distrito Federal é o carro chefe das grandes iniciativas. “A luta pela dignidade da vida como um todo é o principal objetivo da nossa comissão. Iremos trabalhar para inserir a disciplina Direitos dos Animais no novo marco regulatório das faculdades de Direito e discutir a questão da necessidade real da experimentação animal”.

A propulsora da comissão foi a advogada Paula Carvalho Ferreira, que falou sobre a importância da intervenção da Ordem sobre o assunto. “Hoje a questão da defesa dos direitos dos animais é um tema que está sendo extremamente explorado na mídia, no Congresso Nacional, na Câmara Legislativa, e a OAB/DF precisa se posicionar politicamente, além de abrir as portas tanto para os ativistas quanto para as entidades debaterem sobre o tema”.

Reportagem – Priscila Gonçalves
Comunicação Social – Jornalismo
OAB/DF