Oitenta e um novos advogados receberam, na última quinta-feira (21), as carteiras da OAB/DF, em cerimônia conduzida pela presidente da entidade, Estefânia Viveiros, que saudou os novos profissionais e colocou a Casa a disposição de todos. Parentes e amigos do compromissandos acompanharam a solenidade. O paraninfo da turma, Túlio Arantes, procurador-Geral do Distrito Federal, lembrou o dia em que recebeu sua carteira e afirmou: “sempre contei com o apoio desta Casa, mesmo nos momentos mais difíceis”.

O orador da turma, Felipe Trinches, fez questão de ressaltar, logo no início do seu discurso, a importância do Exame de Ordem diante da proliferação desordenada dos cursos de graduação em Direito: “assume especial relevo o papel desempenhado pelo Exame da Ordem, que vem servindo para selecionar bacharéis com elevado grau de conhecimento na área do Direito”. Felipe diz-se muito honrado com o convite para ser o orador da solenidade e explicou que buscou abordar duas vertentes no seu pronunciamento, “uma ressaltando que os advogados devem representar não só a classe mais abastada, como também os carentes de recursos financeiros e a outra reforçando o papel da advocacia na preservação e na evolução do nosso estado de Direito”. Estiveram presentes na cerimônia, compondo a mesa, o vice-presidente da OAB/DF, Paulo Thompson Flores, Francisco José de Campos Amaral, secretário-geral da entidade, João Maria de Oliveira Souza, secretário-geral adjunto, Virgínia Solino de Moraes, diretora-tesoureira, Joaquim de Arimathéa, presidente da Subseção de Sobradinho, Ibaneis Rocha, presidente da Comissão de Prerrogativas, Jorge Amaury, presidente da Comissão de Ensino Jurídico, Ismail Gomes, presidente da Comissão de Seleção, Jacques Veloso, presidente da Comissão OAB-Jovem, Castruz Catrambi Coutinho, membro da Comissão OAB-Jovem e Cleber Lopes Oliveira, membro da Comissão de Seleção.