O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis organizou, nesta terça-feira (24), no auditório do Ministério da Ciência e Tecnologia,  reunião preparatória para apresentar o empreendimento Complexo Terrestre “Cyclone-4”, . A tecnologia é fruto de um acordo firmado entre o Brasil e a Ucrânia que visa a promover serviços de lançamentos comerciais, principalmente para a exploração espacial, em Alcântara, no Maranhão.  A integrante da Comissão de Direito Ambiental da OAB/DF Rafaela Brito acompanhou a reunião e afirma que esse projeto é de extrema importância. “Dessa forma, poderíamos monitorar as queimadas, além de diminuir o atraso brasileiro na área espacial”, afirma. Está marcada para o dia 18 de dezembro uma audiência pública no Congresso Nacional para discutir o tema.