OAB/DF acompanha advogados em audiência contra BB

O conselheiro seccional da OAB/DF Carlúcio Campos representou a entidade em audiência realizada segunda-feira (9), na 21ª Vara do Trabalho de Brasília, sobre a situação de perseguição vivida pelos advogados do Banco do Brasil (BB). Campos esteve presente para garantir o cumprimento das prerrogativas profissionais dos funcionários da instituição financeira.  Diante de denúncias de demissões em massa, aposentadorias forçadas, rebaixamento de cargos e promoções fora dos requisitos, o Sindicato dos Bancários do DF entrou com uma Ação Civil Pública contra o BB. A OAB/DF atua como assistente litisconsorcial na mesma ação. O objetivo da Seccional é interromper o assédio moral praticado por superiores hierárquicos do banco contra os advogados.   Carlúcio Campos explica a situação vivida pelos advogados do BB:  “Os diretores pedem para os advogados darem pareceres favoráveis a eles; se negam, são demitidos ou rebaixados de cargo”. Segundo o conselheiro, as Seccionais do DF, do Rio Grande do Sul e do Rio Grande do Norte da OAB se uniram para defender as prerrogativas dos advogados do BB.  A próxima audiência trabalhista está marcada para o dia 20 de fevereiro. A juíza ouvirá as testemunhas do processo. Na Ação Civil Pública, o Sindicato dos Bancários também reivindica que sejam devolvidos os cargos e salários dos advogados prejudicados e que o banco seja condenado a pagar indenização de R$ 1 milhão por danos morais para os atingidos.


Fique Informado

Fale Conosco


SEPN 516 Bloco B Lote 7 | Asa Norte | Brasília/DF | 70770-522 - Salas do Advogado

[email protected] - [email protected] - (61)3036-7000

Parceiros: