Brasília, 28/05/2012 – O presidente da OAB/DF, Francisco Caputo, reuniu-se em 25/05 com o diretor jurídico da Infraero, Francisco Siqueira, com o presidente da Associação Nacional dos Procuradores de Empresas Públicas Federais (ANPEPF), Otávio Luiz Rocha Ferreira dos Santos, e representantes dos advogados da Infraero, para entregar ofício com pedido de apoio na luta para a estruturação da carreira.

“Sem sombra de dúvidas, nossa instituição se fortalece e ganha muito trazendo para seu seio as carreiras da advocacia pública. Para nós, os procuradores de empresas públicas federais devem ter condições de trabalho idênticas, e foi isso que motivou nosso projeto. A OAB/DF está contribuindo com a causa desde seu início e deseja o apoio das empresas públicas”, reiterou Caputo.

Francisco Siqueira reconhece a necessidade de um corpo jurídico bem estruturado para estabilizar e motivar os profissionais. “Desde que assumi a direção jurídica da Infraero, tenho a preocupação de buscar uma alternativa para adequar a carreira e os salários a uma realidade compatível com o nível de desafios que a carreira enfrenta. Nossa empresa precisa de um quadro estável, bem preparado, bem renumerado, e o pleito apresentado só vem a reforçar nossa iniciativa”.

De acordo com Otávio Luiz, o pleito recebeu um forte e caloroso apoio do diretor jurídico da Infraero. “É a segunda empresa que visitamos para sensibilizar sobre a importância e a necessidade da regulamentação da carreira do procurador, da garantia das prerrogativas e condições mínimas de trabalho e principalmente dar a visibilidade institucional que o jurídico deve ter. Acreditamos que vamos avançar muito nessa regulamentação da carreira dos procuradores de empresas públicas federais”.

A presidente da Associação Nacional dos Procurados da Infraero (Anpinfra), Ana Carolina Maia, disse que “a reunião foi muito positiva. Percebemos o apoio do diretor jurídico na causa dos procuradores da Infraero, bem como da OAB/DF e da ANPEPF. Só temos que agradecer todo o apoio”.

A Embrapa foi a primeira empresa visitada para a entrega do ofício. De acordo com o cronograma, a próxima será os Correios.

Reportagem – Priscila Gonçalves
Foto – Valter Zica
Comunicação Social – Jornalismo
OAB/DF