O presidente da Seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, Délio Lins e Siva Jr., abriu a X Conferência da Advocacia do Distrito Federal (evento presencial e virtual com transmissão pelo canal oficial da OAB/DF no Youtube), nesta terça-feira (24), destacando o caráter “plural” da atual gestão e pedindo um minuto de silêncio pelas “vítimas de crimes por questões raciais”. Délio fez um agradecimento especial à presidente da Comissão de Igualdade Racial, Josefina Serra dos Santos, e por meio dela aos integrantes do colegiado e das Subseções que atuam na proteção e na defesa de vítimas de racismo.

“Sonho muito com o dia em que poderemos viver em um país melhor, mais justo. Um país em que à cor da pele, ou ao gênero, não seja atributo, qualidade ou defeito a ser considerado para qualquer tipo de decisão. Torço muito e trabalho muito, junto com todos vocês, para que tenhamos com nossos filhos e nossos netos um mundo melhor”, disse Délio.

O presidente da Seccional da OAB/DF afirmou que é a pluralidade que faz com que a atual gestão possa “abraçar da melhor maneira possível toda a advocacia do Distrito Federal”. Citou que a paridade é observada ao máximo, tendo 50% de homens e 50% de mulheres na composição da diretoria, de comissões e de subseções, tanto quanto possível; também, o respeito e o incentivo à participação de pessoas com deficiência, homens, mulheres, negros.

Lembrou que a casa, hoje, trabalha de modo apartidário, respeitando a Constituição Federal, o juramento da profissão, as bandeiras dos advogados. “Assim será, sempre!”, acentuou.

PANDEMIA E LEGADOS DA OAB/DF

Délio falou sobre as dificuldades trazidas com a pandemia do coronavírus e dos esforços para superar obstáculos impostos por um novo normal. “É um momento especial para a OAB/DF e para o mundo!” Ele lembrou que havia uma programação anual para comemorar os 60 anos da Seccional e que a Conferência Nacional, marcando os 90 anos do Conselho Federal, seria sediada pela OAB/DF, presencialmente. “Não pudemos fazer como pensávamos, mas não paramos. Na verdade, o trabalho quadruplicou.”

O presidente da OAB/DF agradeceu os esforços de comissões que se desdobraram para atender advogadas e advogados, como a Comissão de Prerrogativas e a de Tecnologia.

“Teremos o legado da tecnologia. O Judiciário mudou. O mundo mudou. Não poderíamos ficar de fora. Criamos a Comissão de Tecnologia. Assim, tão desenvolvida quanto os tribunais, estamos nós, a OAB/DF. O advogado não precisa mais vir à Seccional. Há uma descentralização. Propusemos o parlatório virtual, para possibilitar que advogados possam falar com presos. Implantamos o atendimento remoto de PJe; quase 100% dos nossos documentos estão digitalizados. Enfim, é a OAB voltada ao século 21, à tecnologia”, considerou Délio.

“SOMOS ABERTOS À SOCIEDADE”

Agradecendo a participação na cerimônia da cantora lírica, professora de canto e diretora de ópera Janette Dornellas – ela cantou o hino nacional na abertura da conferência e falou sobre a importância do incentivo às artes –, Délio observou que a OAB/DF é uma casa que se abre à sociedade no trabalho de suas comissões. “Sabemos o quanto a pandemia afetou a cultura e a educação. Estão sofrendo muito!” Diretora da Casa da Cultura, Janette valorizou o apoio da OAB/DF. “Não costumo fazer isso, quebrar o protocolo, mas queria agradecer de coração o apoio que a OAB/DF tem dado aos professores e artistas por meio da Comissão de Esporte, Cultura e Lazer e da doutora Veranne Magalhães (presidente do colegiado).”

AGRADECIMENTOS

A fala de Délio foi pontuada por reconhecimentos ao Conselho Federal e aos presidentes que o antecederam na Seccional e aos que dirigiram Subseções ao longo dos 60 anos de OAB/DF. Ainda a Nabor Bulhões, que fez, durante a manhã, palestra em Aula Magna (leia mais aqui). Também, à diretoria da OAB/DF, em particular à sua vice-presidente, Cristiane Damasceno, pelos esforços na realização da X Conferência.

O presidente da OAB/DF dirigiu palavras de gratidão às conselheiras e aos conselheiros da Seccional, aos quatro mil profissionais que atuam em comissões e subcomissões, às direções da Caixa de Assistência dos Advogados do Distrito Federal (CAADF), da Escola Superior de Advocacia do Distrito Federal (ESA), Fundação de Assistência Judiciária (FAJ) e ao Tribunal de Ética e Disciplina (TED). Muito especialmente, aos cerca de “47 mil advogadas e advogados do quadradinho aptos a advogar”.

MESA DE ABERTURA

Ao lado de Délio, compuseram a mesa de abertura, o secretário-geral da OAB/DF, Márcio Oliveira, a secretária-geral adjunta, Andrea Sabóia, o presidente da CAADF, Eduardo Uchôa, a conselheira federal Daniela Teixeira, representando a OAB Nacional. Esdras Dantas, membro honorário vitalício da OAB/DF, representando todos os ex-presidentes da Casa. Fernando Abdala, diretor de Tecnologia, o advogado Nabor Bulhões, palestrante especialmente convidado para a Aula Magna, Wílon Vander Lopes, ex-presidente da Subseção de Taguatinga, representando todos os presidentes de Subseções ao longo de 60 anos da Seccional. O evento foi prestigiado por mais 1.400 internautas.

CONSELHO FEDERAL

Daniela Teixeira fez presente o Conselho Federal na cerimônia de abertura e destacou que, embora a pandemia tenha impossibilitado a realização da Conferência Nacional pela Seccional da OAB/DF, foi possível realizar “on-line”, evento com 110 mil pessoas em audiência. “Estamos alcançado as pessoas!”, pontuou.

CAADF

O presidente da CAADF, Eduardo Uchôa, abordou o trabalho incessante da atual gestão da OAB/DF em prol da advocacia. Trouxe em suas palavras a relevância de a OAB/DF e a CAADF atuarem em sintonia com exigências do século 21. Uchoa lembrou que, mesmo com o contexto de pandemia, o presidente e a diretoria conseguiram manter a menor anuidade do Brasil para advogadas e advogados. Realizaram inúmeros avanços e farão a inauguração da sede própria da Subseção de Águas Claras, na próxima sexta-feira (dia 27). “Deixo claro nosso maior apoio e compromisso com esta gestão”, finalizou.

HOMENAGENS

Délio Lins e Silva, Nabor Bulhões e Esdras Dantas

Após a palestra de Nabor Bulhões, o presidente Délio Lins e Silva Jr. entregou a ele placa e certificado de participação na X Conferência da Advocacia do Distrito Federal.

VEJA A ABERTURA DA X CONFERÊNCIA NA ÍNTEGRA AQUI.

Comunicação OAB/DF 

Texto: Montserrat Bevilaqua

Fotos: Valter Zica