Brasília, 28/01/2011 – O Tribunal de Ética e Disciplina fechou as portas nesta sexta-feira (28/01) para atendimento externo. Mas dentro das dependências do TED, os funcionários trabalhavam em ritmo acelerado no mutirão denominado de “1º Dia D”. O empenho é para organizar os espaços e os processos. “Queremos iniciar fevereiro com a máquina bem azeitada”, destacou o presidente do Tribunal Claudismar Zupiroli.

Para realizar o objetivo, o Tribunal adotou o programa “5 S”, uma inspiração japonesa que visa à melhoria do ambiente de trabalho, nos sentidos físico, lógico e mental. A sigla “5S” se refere a palavras japonesas que significam cinco diferentes sensos: (i) de utilização; (ii) de organização; (iii) de limpeza; (iv) de saúde e higiene e (v) de autodisciplina.

A ideia e atingir as metas estabelecidas pelo Tribunal de julgar os processos mais antigos. Segundo Zupiroli, há processos na Secretaria de Instrução ainda do ano de 2006. “São os processos mais antigos e que precisamos priorizar. Não são tantos, de modo que deveremos cumprir nossa primeira “meta 2” com tranquilidade e sem sobressaltos”.

Por causa do “1º Dia D”, os prazos que correm no Tribunal que venciam nesta sexta-feira (28/01) foram prorrogados para segunda-feira (31/01).

Assessoria de Comunicação – OAB/DF